20
Seg, Mai

Jurídico

Na manhã desta segunda-feira (11/3) o vice-presidente do Anffa Sindical, Marcos Lessa, o secretário de Administração, Luiz Gonzaga Matos, e a advogada do Sindicato, Patrícia Bruns, se reuniram com a coordenadora-geral de Administração de Pessoas do MAPA (Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento), Sara Martins, e com a coordenadora de Legislação, Miranda Drumond, para tratar dos desdobramentos relativos à participação do órgão na administração do processo contratual da Assefaz. O assunto foi foco de reunião no dia 28 de fevereiro. (Veja mais aqui).

Na ocasião, foi esclarecida a impossibilidade de o Sindicato continuar intermediando os contrados junto ao plano de saúde e explicada de que maneira o MAPA poderia contribuir com o processo a partir de agora. Por conta disso, ficou acertado que os responsáveis pela Assefaz enviarão à coordenadora-geral de e Administração de Pessoas documentos referentes às quatro entidades (Anffa Sindical, Anffa Associação, Asfrago e Ansa) que dizem respeito ao número de titulares e seus dependentes. Também será disponibilizada a Carta de apresentação da Fundação que, junto aos demais materiais, será entregue à Conjur para produção de um parecer sobre o assunto. Vale ressaltar que após a parceria entre o MAPA e a Fundação, haverá a possibilidade de adesão de outros filiados do Sindicato ao plano.

A celeridade no encaminhamento da atuação do MAPA na administração do plano da Assefaz foi uma das posições confirmadas pelas representantes do ministério, uma vez que o plano poderá vir a ser extinto no prazo aproximado de 60 dias, a contar da data de recebimento da correspondência da Assefaz a cada um dos beneficiários sobre o assunto.

Apesar disso, os representantes da Assefaz se disponibilizaram a abrir um espaço na agenda, de maneira a buscar uma solução a partir da mudança. “Faremos o máximo para garantia da manutenção dos direitos dos filiados”, disse Luiz Gonzaga.

Além da presença de Sara Martins e Miranda Drumond, participaram, pela Fundação Assefaz Marilene Macedo do Vale (gerente nacional de Saúde), Ilma Maria Santos (analista de Saúde), Winny de Melo (analista de saúde) e Luciano Coelho (advogado).  

0
0
0
s2sdefault