Anffa Sindical solicita que Affas zootecnistas sejam contemplados em portaria de métrica

O Sindicato pondera que cabe ao Affa com essa formação a responsabilidade pela análise de produtos destinados à alimentação animal nos laboratórios oficiais do Governo,  assim como aquelas voltadas para identificação genética de animais, de fertilizantes, corretivos, substratos e inoculantes, entre outros. 

 

O Anffa Sindical encaminhou ofício, na tarde desta quinta-feira (17/02), ao secretário de Defesa Agropecuária, José Guilherme Tollstadius Leal, acerca da Portaria nº 512/2022, que trata da criação de um quadro mínimo de Auditores Fiscais Federais Agropecuários nos Laboratórios Federais de Defesa Agropecuária (LFDA) e para a Coordenação Geral de Laboratórios (CGAL).

No regulamento, a Administração não contempla o Affa com formação em zootecnia. 

O Anffa Sindical pondera que cabe ao Affa com essa formação a responsabilidade pela análise de produtos destinados à alimentação animal nos laboratórios oficiais do Governo,  assim como aquelas voltadas para identificação genética de animais, de fertilizantes, corretivos, substratos e inoculantes, entre outros. 

Desta forma, a Direx solicita no documento a revisão da Portaria 512/2022, “de maneira que os zootecnistas sejam contemplados com vagas nos laboratórios que executem análises que não tenham restrição legal para atuar, tal como ocorre na iniciativa privada, universidades e centros de pesquisa no Brasil”.

O secretário da SDA recebeu a manifestação do Sindicato e informou que levará ao Departamento de Serviços Técnicos (DTEC) para providências

Anffa Sindical

ANFFA Sindical é o Sindicato Nacional dos Auditores Fiscais Federais Agropecuários
Setor Comercial Sul, Quadra 2, Bloco C, 4º andar, Ed. Jockey Club - 70.302-912 - Brasília, DF
+55 (61)3224-0364  / +55 (61) 3246-1599
+55 (61) 3968-6573 / + 55 (61) 99202-4764 
+ 55 (61) 99226-6626  / + 55 (61)99932-0149